Vale a vice-liderança

Text Resize

-A +A
Paraná Clube busca a vitória no Independência, em Belô
Comissão técnica confia na força do grupo.
Irapitan Costa

O jogo deste sábado (21) à noite – às 19h, no estádio Independência – pode colocar o Paraná Clube na vice-liderança da Série B. Para isso, o time do técnico Matheus Costa precisa de uma vitória sobre o América-MG. O Tricolor busca a reabilitação após o tropeço da ultima terça-feira (derrota por 1x0 para o Ceará). O desafio do treinador é buscar uma equipe equilibrada, apesar dos três desfalques. O lateral Cristovam, o meia Renatinho e o atacante Alemão cumprem suspensão.

“Não vou lamentar ausências. Temos um grupo e não um time. Confio nos jogadores que irão entrar”, disse Matheus Costa. O treinador, porém, não antecipou os substitutos. Júnior, ao natural, entra na lateral-direita. Já o meio-de-campo e ataque seguem indefinidos. “Vocês já viram que sou um treinador que prioriza o ataque. Então, não vou alterar a nossa estrutura de jogo”, afirmou, dando a entender que Vitor Feijão e Rafhael Lucas devem aparecer no time.

O Paraná, com 52 pontos, ocupa a 4ª colocação, três pontos atrás do América-MG. Como o Ceará, ontem, ficou no 2x2 com o Figueirense, caso obtenha a vitória, o Tricolor assume a vice-liderança, empatando em pontos com Ceará e América, mas com vantagem nos critérios de desempate. “Independente de qualquer coisa, precisamos pontuar. É esse o nosso objetivo”, afirmou Matheus. O Paraná, depois dessa partida, terá duas decisões seguidas em casa, frente a Vila Nova-GO e Oeste-SP. “Vamos seguir no nosso planejamento, jogo a jogo”, completou o treinador paranista.

Histórico

O América-MG tem uma ampla vantagem sobre o Paraná Clube no histórico dos confrontos. Nos 22 jogos realizados, são 9 vitórias do time, mineiro, 9 empates e somente 4 vitórias do Tricolor. Nos dez jogos realizados em Belo Horizonte, o Paraná jamais venceu. Na artilharia, o Coelho marcou 21 gols, contra 13 do rival. Pelo primeiro turno, em Curitiba, os times empataram por 1x1, na Vila.

Apito

O jogo desta noite terá um trio de arbitragem do Rio de Janeiro. Grazianni Maciel Rocha apita, assistido por Dibert Pedrosa Moisés e Thiago Rosa de Oliveira. O quarto árbitro será Flávio Henrique Coutinho Teixeira (MG)

 

Departamento de Comunicação - PRC