Desafio em Cuiabá

Invictos: Paraná Clube encara o Cuiabá, às 19h, na Arena Pantanal
Matheus Anjos pode ser mantido entre os titulares.
Foto: Rodrigo Sanches

O Paraná Clube encara, neste sábado, o Cuiabá-MT. O jogo será às 19h (horário de Brasília), na Arena Pantanal, pela 3ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Uma vitória pode colocar o Tricolor no G4 da competição. O técnico Matheus Costa prevê um jogo difícil, mas acredita na evolução da sua equipe, que soma uma vitória e um empate, até aqui.

“É importante estar sempre pontuando. O time está em ascensão e a semana de treinamentos nos dá confiança para fazer um grande jogo”, destacou Matheus Costa. O técnico considera esse jogo um grande “teste” para o seu time. O Cuiabá tem 100% de aproveitamento nesta Série B.

Para esse confronto, ele conta com o retorno de João Pedro. O meia, que não atuou na última partida por conta de dores no pé direito, seguiu com a delegação para Cuiabá. Sua presença entre os titulares, porém, não foi confirmada. “O time fez um bom jogo. Vamos ver a melhor estratégia”, desconversou o treinador paranistas.

Outra novidade no grupo é o volante Luan. “É um jogador com essa característica de proteção à zaga. De muita força. Vai ser muito útil ao longo desta Série B”, analisou Matheus Costa.

No ataque, as atenções se voltam para Jenison. O artilheiro paranista teve seu contrato com o Paraná estendido até o final de 2020 e, hoje, enfrenta o seu ex-clube. No ano passado, defendendo o Cuiabá, ele balançou as redes 15 vezes. Marca que pretende superar no Tricolor. Até aqui, Jenison tem 8 gols assinalados e busca o primeiro nesta Série B.

HISTÓRICO

Paraná Clube e Cuiabá se enfrentam pela primeira vez na história. O Tricolor, porém, já cruzou o caminho de outros três clubes do Mato Grosso. Nos anos 90, pela Divisão de Acesso do Brasileiro, jogou contra o Operário de Várzea Grande. Na década seguinte, enfrentou o Mixto, na Copa do Brasil. Mais recentemente, os confrontos foram com o Luverdense. No geral, em 14 jogos, foram 6 vitórias, 3 empates e 5 derrotas.

ARBITRAGEM

O jogo desta noite terá Léo Simão Holanda (CE) no apito. Ele será assistido por Nailton Júnior de Sousa Oliveira e Jailson Albano da Silva, também do Ceará. O quarto árbitro será Rafael Odílio Ramos dos Santos (MT) e o analista de campo Edilson Ramos da Mata (MT).

 

Departamento de Comunicação - PRC