Derrota na Estradinha

Tropeço em Paranaguá encerra a invencibilidade do Tricolor
Fernando Neto lutou muito, mas não foi o suficiente.
Foto: Rui Santos

O Paraná Clube não jogou bem e, diante de pouco mais de 1700 torcedores – a maioria paranista –, perdeu para o Rio Branco na tarde deste domingo, na Estradinha. O 1x0 encerra a invencibilidade de 8 jogos do time de Dado Cavalcanti. O revés também aumenta a carga sobre o Tricolor, que faz dois jogos seguidos em casa (Cianorte e Cascavel CR) para buscar uma vaga nas semifinais da Taça Dirceu Krüger.

Num gramado pesado devido às chuvas dos últimos dias, em Paranaguá, o Paraná começou igualando as ações. Num cruzamento de Éder Sciola, aos 10 minutos, Jenison dividiu com a zaga e cabeceou para fora. Na melhor jogada do Tricolor, aos 33 minutos, Jenison tabelou com Alesson, que chutou forte para a defesa de Ravel. O Rio Branco, por sua vez, buscava sempre a velocidade e o drible, com Wellissol.

Na etapa final, a situação se complicou aos 8 minutos. Após cruzamento na área, João Antônio ganhou no alto e testou para marcar 1x0 para o Leão. Dado procurou mudar o cenário com Higor Leite e Keslley. Num chute de fora de Higor Leite, aos 15 minutos, o goleiro parnanguara precisou trabalhar. Mas, o tempo foi passando e nem mesmo com a entrada de Jhemerson o Paraná melhorou. Foi a segunda derrota da equipe nesta temporada.

 

Rio Branco 1x0 Paraná Clube

Rio Branco: Ravel; Salazar, João Antônio (Paulo Fales) e Erwin; Anderson Souza, Borges, Rodrigo, Willyan Sotto (André) e Jackson; Bruno (Paulo Henrique) e Wellissol. Técnico: Norberto Lemos

Paraná: Alisson; Éder Sciola, Rodolfo, Leandro Almeida e Guilherme Santos; Jeferson Lima (Higor Leite), Fernando Neto e Jean Lucas (Keslley); Andrey (Jhemerson), Jenison e Alesson. Técnico: Dado Cavalcanti

Local: Nelson Medrado Dias (Paranaguá-PR)

Árbitro: Fábio Filipus

Assistentes: Luciano Roggenbaum e Jonathan Evers Dias

Renda: R$ 38.370,00

Público pagante: 1.618

Público total: 1.759

Gol: João Antônio aos 8’ do 2º tempo

Cartões amarelos: Jeferson Lima e Éder Sciola (Paraná). Jackson (Rio Branco)

 

Departamento de Comunicação - PRC